Reader Comments

П”´ É Isso Que Acontece Com O Seu Corpo Quando Para De Tomar Pílula Anticoncepcional!

by lucas silva costa (2018-04-12)


São sintomas normais dos primeiros meses de uso, mas esses efeitos colaterais tendem a desaparecer após alguns meses. Dito isso, estes não são os efeitos que TODAS podem esperar dessas pílulas. A pílula é um dos medicamentos mais estudados e prescritos em todo mundo, como qualquer outro medicamento, é claro que existem alguns riscos para a saúde, mas os efeitos colaterais são muito raros. Esses sintomas podem ser sinal de uma trombose venosa profunda e sabe-se que existe uma correlação entre uso de contraceptivo hormonal combinado e risco aumentado de coágulos principalmente no primeiro ano de uso. Como a contracepção hormonal costuma ser dominada pela progesterona, não espanta que humor das mulheres mude no sentido da depressão”, comentou. Nos tumores malignos do endométrio (camada mais interna do útero) e do ovário, a pílula exerce um efeito protetor - as usuárias de ACOs apresentam metade do risco de câncer de endométrio e ovário das não-usuárias. Algumas pesquisas comprovaram que uso de altas doses de anticoncepcionais em mulheres após a menopausa ajuda a diminuir risco de fraturas, além de suspeitar que seu uso possa melhorar a densidade mineral óssea em mulheres mais jovens, mas ainda faltam maiores comprovações. Foi quando eu tinha 20 e poucos anos, depois de me formar na universidade - época em que meus problemas de comportamento e de saúde mental já não podiam mais ser encarados como os de uma "adolescente mal-humorada" - que passei seriamente a questionar se tudo estava ligado ao uso da pílula. Existem diferentes métodos, que além das pílulas de hormônios bioidênticos, podem ser muito menos agressivos ao metabolismo hormonal e que tem um efeito tão bom ou até melhor. Posso tomar duas pílulas seguidas se esquecer de tomar uma? Por isso, para mulheres que têm cólicas muito fortes, a pílula anticoncepcional pode ser receitada não apenas para evitar gravidez, como também para melhorar as dores. 07 - Depois que comecei a tomar a pílula, meu humor mudou. A pílula anticoncepcional, consiste na união de duas moléculas sintéticas, similares aos hormônios naturais de nosso organismo que é estradiol e a progesterona, justamente por serem hormônios similares e não bioidênticos, a ligação do hormônio do anticoncepcional com os nossos receptores celulares hormonais ocorre de maneira imperfeita, isto pode levar aos efeitos adversos a longo prazo. A pílula anticoncepcional é método mais utilizado pelas mulheres para evitar surgimento de uma gravidez, pois é fácil de usar e possui elevada eficácia contra gestações indesejadas. Em algumas mulheres, organismo entende que está recebendo todos estes hormônios via pílula, então para de produzir naturalmente. Resumindo tudo isso, os anticoncepcionais baseados em hormônios sintéticos, acabam fazendo com que a mulher tenha muito mais dificuldades em ganhos de massa muscular, pois ele altera todo ciclo anabólico. Muitas mulheres se queixam do aumento de peso após começar a tomar anticoncepcional xtrabig force oral, estudos mostraram que isso pode não ser completamente verdadeiro. objetivo dos estudiosos era investigar se uso de métodos à base de progesterona e estrogênio (dois hormônios femininos) poderia levar as mulheres a desenvolver a tristeza profunda. Nesses casos, a mulheres devem se certificar de que contraceptivo oral escolhido contenha pelo menos 50 microgramas de etinil-estradiol ou mestranol. Para isso, eles avaliaram uso de contraceptivos e os diagnósticos de depressão em mais de 1 milhão de mulheres com idades entre 15 e 34 anos, que participaram de um levantamento nacional. Mas decidi contrariar minha médica e minha terapeuta e parei de tomar a pílula de progesterona. Outros estudos mostram que algumas mulheres relatam um maior impulso sexual com a pílula ou nenhuma mudança. Não é para menos: casos de trombose e outros efeitos colaterais desses medicamentos assustaram as usuárias e chamaram a atenção de médicos e pesquisadores do mundo todo para investigar mais a fundo os riscos desses remédios. Apenas cerca de 15% das mulheres notaram uma redução na libido enquanto tomavam pílula, de acordo com uma resenha de 2013 no European Journal of Contraception and Reproductive Health Care, que examinou 36 estudos entre 1978 e 2011.



ISSN: 1946-1879